Blog - Artigos de Edgar Werblowsky

O petróleo é nosso, mas os Lençóis Maranhenses também são

Estamos em um dia de julho de 2009 em Barreirinhas, sede do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses. Férias. Alta temporada. Centenas de turistas se movimentam pela região. São passeios de lancha pelo Rio Preguiças e de toyota em direção à estonteante paisagem de dunas e lagoas dos Lençóis. São milhares delas, dunas e lagoas, e a água, doce, de um verde-esmeralda eterno. A temperatura da água é superb, diriam os turistas franceses que para cá afluem.

O grupo de turistas...

Para mim é preciso sonhar

Eu descia a Serra do Mar com um grupo de pessoas multitudo. Eram jovens, adultos, velhos, gordos, magros, crianças, executivos, gerentes, escriturários, gente de todo o tipo. Era a minha primeira descida com grupo, isso lá no ano de 83. Tudo era novidade. Depois da descida íngreme de duas horas estávamos todos no Poço das Moças. Uns e outros se davam as mãos, os braços, para atravessá-lo. Cansados, quase exaustos. Eu olhava para suas faces. E lá eu via...

Ecoturismo e Responsabilidade

O ecoturismo é um segmento do turismo cujo foco é a natureza. Só isso? Não, ele deve: 1) ser organizado de forma consciente e responsável, em escala compatível com os recursos naturais dos ecossistemas e esta responsabilidade implica na preservação do meio ambiente visitado e no respeito às tradições e valores da comunidade local. Isto seria o bastante? Não, 2) O ecoturismo deve proporcionar a melhoria da qualidade de vida da população da região.

Sem todos esses atributos ele não...

SOS Amazônia: Uma proposta de representação com legitimidade

Fundação SOS Mata Atlântica. Rede de ONGs da Mata Atlântica. São nomes que imediatamente nos vêm à mente quando pensamos em proteção da Mata Atlântica. Eu pergunto. Quais são as entidades que nos vêm à mente quando a questão é Amazônia? Tente responder rapidamente.

Não há. Isto é um problema e é o reflexo da falta de unidade nesta questão. Diversas ONGs atuam na região. Empresas públicas. Fundações. Universidades. Ministérios. Organismos nacionais e internacionais. Para ilustrar ao leitor, listo uma...

Aventuras Corporativas

O espírito ulyssiano de aventura parece ter se apoderado dos turistas atuais, que buscam experiências cinematográficas e sonham com destinos longínquos, quase inalcançáveis e nas áreas mais remotas do planeta. Ou mesmo além dele. Não é mais uma miragem viajar às estrelas, dormir sob um glacial ou caminhar no espaço. Dennis Tito, um americano, foi o primeiro turista pagante a viajar a bordo de uma cápsula Soyuz e visitar a Estação Orbital Espacial em abril de 2001. Uma outra...

O TAV, trem de alta velocidade São Paulo – Rio e a copa de 2012

Acabo de regressar da Espanha. Magnífica nos transportes. O metro de Madri, um prazer. As viagens de trem, uma comodidade. Estão sendo revolucionadas desde que em 1992 foi inaugurada a linha de alta velocidade entre Madri e Sevilha, coincidindo com a Expo 1992.

Desde então os trens de alta velocidade se espalharam pela Espanha. Hoje as principais cidades do país estão conectadas por essa rede, uma reinvenção da maneira de se deslocar. Os encontros de negócios se multiplicaram dentro destes...

Em discussão, o futuro sustentável de Itacaré

Realiza-se em Itacaré, de sábado a terça-feira, o Projeto Piloto TOI – Itacaré, primeiro case da TOI (Tour Operators

Initiative – comissão de turismo sustentável da ONU) na América do Sul.

Grandes operadores do turismo europeu, membros da TOI, virão ao Brasil para participar de uma mesa redonda com toda a
comunidade turística de Itacaré. Juntos, pretendem chegar a um consenso sobre as melhores alternativas de turismo
sustentável para a região, e o que farão, na prática, para garantir a qualidade e a...

Perspectivas do Ecoturismo para 2006

O ano que se inicia traz grandes expectativas para o ecoturismo. Entre os fatores que podem ser citados como contribuintes para isto estão os ambientais, regulatórios, de produto e os mercadológicos.

Entre os fatores ambientais mais relevantes, está a situação preocupante da Amazônia, cuja destruição assistimos de camarote, sem enxergarmos bombeiros no palco. As constantes reportagens sobre a devastação da região a colocam sob holofotes, atraindo a atenção e preocupação dos ecoturistas mais sensíveis. Junto com a Amazônia, o cerrado, magnífico ilustre desconhecido da...

Hotel na Dinamarca inova e envolve hóspedes na sustentabilidade

Uma idéia para literalmente juntar a fome com a vontade (e necessidade) de fazer algo pelo planeta. E o melhor é que a notícia vem do setor hoteleiro, normalmente mais associado ao conservadorismo.

Pense em design escandinavo. Junte comida gourmet nórdica. E adicione um staff internacional. Sirva tudo em uma baixela de inteligentes soluções climáticas. O resultado vai te dar uma idéia de uma experiência hoteleira inovadora.

Inédita. Ela vem de um país muito associado com sustentabilidade, a Dinamarca. Onde Copenhagen...

Itacaré - Os riscos do crescimento

Publicado no(a) Site Família Aventura em Agosto/2003 

A pequena Itacaré tem sido um dos meninos prodígio da Bahia nos últimos três anos. De uma pacata vila de pescadores, isolada pelos contrafortes de trechos da Serra do Mar, onde os dias se demoravam a passar, com seus barcos ao fundo e a capoeira ao lado, a vila ganhou, em pouquíssimo tempo, os ares de um importante pólo ecoturístico, talvez o de maior crescimento no país. Sua áurea de paraíso perdido bahiano...

Os desafios do ecoturismo no Brasil

Publicado no(a) O Estado de S.Paulo em 04/Junho/2002 

A platéia era composta por 1.200 delegados de 130 países, além de 40 ministros de Estado. O cenário, a histórica cidade canadense de Quebec. No palco, traçava-se o futuro do ecoturismo no planeta para os próximos dez anos. Da Austrália a Moçambique, da Guatemala ao Djibuti, todos querem uma fatia do bolo. Coordenador do Programa de Ecoturismo das Nações Unidas e radicado em Paris, o brasileiro Oliver Hillel afirma que a competição...

25 anos de Freeway e do ecoturismo no Brasil

Comemoram-se em 2008 os 25 anos das primeiras caminhadas organizadas em mata atlântica no Brasil. Foi em 1983 que a Freeway dava seus primeiros passos levando os primeiros grupos a descer a Serra do Mar, desde o planalto, até a baixada, pela trilha de Paranapiacaba.
Desde estes primeiros momentos a Freeway se dedicou a descobrir inúmeras trilhas, destinos, parques, levando seus grupos a pioneirar Brasil adentro.
Criamos uma cultura de se fazer turismo usando a natureza como matéria prima, palco e...

Alma, paixão e hospitalidade luminosa

O comandante Rolim imprimiu sua marca. Decorrente de sua paixão. E a  empresa ganhou alma. O restaurateur Danny Meyer e seu Union Square Hospitality Group, em Nova Iorque,  transpiram paixão. Uma paixão por servir. Seus restaurantes tem alma.

Vários  empreendedores locais em todo o Brasil atendem seus clientes de maneira tão especial, personalizada, que suas empresas se tornam indissociáveis do nome dos donos. Uma pousada, como a da Isney, em Maraú, consegue transmitir um tal acolhimento, luminoso, que não haverá...

JOVENS DESTE NOSSO PAÍS, VOCÊS TOPAM?

Os jovens têm a capacidade e o poder de realizar grandes mudanças na história. Foi assim com os hippies, em Woodstock, com os estudantes em Paris em 1968 e agora novamente em 2006, com o papel exercido pelos caras-pintadas brasileiros no episódio que culminou com o  impeachment do Collor. Foi assim com vários gênios da humanidade.

Grandes artistas, como Bono, Sting, e muitos outros, já estão liderando campanhas mundiais visando mudanças profundas e necessárias. Usando a sua música, seu canto, para...

Das montanhas à jornada nas estrelas... e as empresas já podem usufruir desta aventura

O espírito Ulyssiano de aventura parece ter se apoderado dos turistas atuais, que buscam experiências cinematográficas e sonham com destinos longínquos, quase inalcançáveis e nas áreas mais remotas do planeta. Ou mesmo além dele. Não é mais uma miragem viajar às estrelas,  dormir sob um glacial, ou caminhar no espaço. Dennis Tito, um americano, foi o primeiro turista pagante a viajar a bordo de uma cápsula Soyuz e visitar a Estação Orbital Espacial em abril de 2001. Uma outra...

Amazônia – 10 atitudes que cada um de nós pode tomar

No post de hoje mais um artigo do meu amigo Edgar. No texto ele faz mais uma reflexão sobre o que cada um de nós podemos fazer para impedir a devastação da Amazônia.

“Deixar apenas ao governo a responsabilidade de proteger a Amazônia é pouco. Cada um de nós, cidadãos e consumidores,  pode ajudar a fazer a diferença para conservar e deter a devastação da Amazônia, um dos mais importantes e ameaçados biomas do planeta.    A seguir, 10 dicas...

Fogão à Lenha

Enio e Gasparina. Pousadeiros, gente da roca, que vivem e muito bem recebem em sua simples fazendinha no Vale do Céu, em São João Batista do Glória. Região de Passos, Minas.  Como moldura, as belas montanhas da Serra da Babilônia. Os turistas se hospedam em sua casa simples de fazenda, em quartos ao lado da cozinha. Diferencial: o “ao lado da cozinha”. De onde começa a sair um cheiro de pão de queijo assando, às 6 horas da manha....

O turismo e a paz – uma indústria de 15 bilhões de apertos de mão

Onde estão os negócios para a paz?

Para a guerra nós sabemos muito bem, disse-me minha nova amiga Elisa Guerra, ex- presidente  da BPW, Business Professional Women, que acaba de voltar de um evento da ONU.

Onde esta a indústria para a paz? Quais são suas fabricas, redes de varejo, oficinas, sindicatos ?

Quanto essa indústria fatura por ano ? A da guerra nós sabemos. Basta ler um War Production Report, uma Weapons and Business, ou acompanhar os relatórios do Pentágono americano.

A...

Hospitalidade Luminosa

O que é luxo hoje em dia ?
Será que continua a ser as marcas de valor, a ostentação ?
Ou será que nossa sociedade, com todo a evolução tecnológica, inimaginável pelas gerações que nos antecederam, e apesar dela, se encontra mergulhada num vazio existencial, que este suposto nirvana tecnológico não conseguiu mitigar ?

Falemos agora do que o Brasil representa no mundo. A par de vários estereótipos, velhos e surrados, algo aparece de muito forte: nossa gente, nossa alegria, nosso jeito...

Trocando o Mogno agora também pelo Pinus


Escrevi há três anos propondo a troca do mogno por eucalipto na hora da família comprar seus móveis.

Na ocasião recebi comentários positivos e negativos. Os críticos diziam que o eucalipto é um usurpador de água.

Até pode ser, mas estive sempre propondo um plantio inteligente, responsável, longe de cursos dágua, nas encostas de montanhas. E de áreas já há muito deflorestadas, aqui no sudeste.

Para mim o mais importante era diminuir a pressão da demanda sobre a madeira amazônica, reduzindo com...

A bomba etílica – yes, nós temos a nossa bomba atômica

35000 pessoas morrem anualmente vítimas do trânsito no pais. Em 80% dos casos o álcool foi a principal causa. Ou seja, 28.000 pessoas morrem por ano no Brasil por acidentes causados pela bebida. Motoristas com dosagem alcoólica  acima do permitido percorrem dia e noite nossas estradas, de sul a norte do país. Bares e restaurantes de beira de estrada vendem livremente o passaporte para a desgraca. Algo próximo do criminoso.

Seja sincero - você aceitaria embarcar num avião pilotado por...

Steve Jobs e o Ecoturismo

Pena que não tivemos um Steve Jobs no ecoturismo.

Fazem falta sua visão inovadora, multilateral, observadora da experiência humana, de análise do todo e da posterior síntese.

Para ele, um ícone da tecnologia,  criatividade é  simplesmente conectar coisas, como afirmou à revista Wired. "Quando você pergunta a pessoas criativas como fizeram alguma coisa, elas se sentem um pouco culpadas, porque na verdade, não fizeram aquilo; elas só viram algo. A coisa lhes pareceu óbvia porque conseguiram conectar experiências que tiveram e...

Turismo ativo e saúde publica

Vou pedir um naco dos recursos da Saúde ao Tinhorão.
Talvez ele não saiba, mas temos atuado  muito na saúde através da prevenção.
O turismo ativo leva o viajante a descobrir um destino, uma paisagem, um povo, através de uma forma interativa, onde a atividade física, o caminhar, o bicicletar, o cavalgar, são os instrumentos  desta descoberta, desta interação. 

Quando caminhamos fazemos nosso coração trabalhar mais feliz, baixamos nossa pressão arterial, entramos em outra freqüência, melhoramos nosso humor, reforçamos nosso sistema imunológico. 
O...

O ecoturismo e a acessibilidade – palcos e atores para as mudanças

E notório o despreparo da indústria do turismo brasileiro para receber com qualidade as pessoas com deficiência física. 

Seria surpresa se fosse diferente dado o estágio desta indústria no Brasil, tão jovem. 

Recentemente tem crescido as iniciativas para debater o assunto, e a inserção deste nicho de pessoas no processo turístico. Muito positivo. 

Para o êxito destas e de outras iniciativas há que se trabalhar conjuntamente nas três esferas da sociedade. Pública, privada e terceiro setor.

Um saudável efeito colateral de se trabalhar...

Uma mudança em vidas e consciências

"Publicado no O Estado de S.Paulo em 06/Maio/2003 "

João Carlos de Araújo, garimpeiro, de Goiás. Vindo de Cristalina, no vigor da mocidade, para São Jorge, na Chapada dos Veadeiros, em busca de fazer a vida no garimpo do cristal. "Fazer lasca", como diziam, que era tirar proveito das sobras, ou lascas, que foram deixadas de lado pelos primeiros garimpos da região, em 1912. Vida sofrida a desses garimpeiros, onde o homem saía para o garimpo e ficava fora por 15,...

A história da Whale Watch Kaikoura

Ver uma baleia de perto é de tirar o fôlego de qualquer um. Para uma comunidade Maori da Nova Zelândia cada visão destas representa a celebração de uma emocionante história de sucesso.

A cidade de Kaikoura, na Nova Zelândia, perdeu sua fonte de sustento com a privatização das estradas de ferro da região, prejudicando as comunidades indígenas.

Foi aí que quatro famílias tiveram a idéia de levar pessoas para observar baleias, para criar empregos para sua comunidade. Graças aos esforços dessas...

Propostas para vender o País lá fora

Publicado no O Estado de S. Paulo em 28/Janeiro/2003 

O turismo é hoje um dos segmentos que mais cresce no mundo. É um grande criador de empregos, redistribui geograficamente os investimentos, fixa o homem em sua região de origem. E ainda contribui para inserir o País no contexto internacional, formando imagens a partir do juízo formado pelos próprios turistas estrangeiros.

O Brasil recebe, hoje, 4,5 milhões de turistas estrangeiros. Proponho aqui uma revisão completa da política turística promocional para o exterior, com...

Tolerância Zero na Amazônia

Chegou o momento de dar um basta definitivo. Já faz parte do inconsciente coletivo da humanidade a certeza de que a Amazônia deve permanecer em pé. É claro, transparente e cristalino que nenhuma árvore deve cair mais, sob qual argumento seja.

Nada justifica a perda de qualquer cobertura vegetal adicional para abrir espaço para o aumento da área de cultivo de soja ou pasto para gado. Aos que chamam isso de desenvolvimento, eu acrescentaria um adjetivo: catastrófico. Desenvolvimento catastrófico.

A continuação...

Um sonho de vida em Maraú

E de como uma pousada e um quarteto transformaram a vida de uma comunidade

Giovanni Giuliano é professor. Não faz greve. Faz é a diferença. Aos 85 anos, completados agora em março com a vinda de toda a família e amigos, 70 pessoas, de São Paulo para Maraú.

Isney, Marcelo e Flavio, o trio, resolveram mudar de vida. E de Curitiba se mudaram para a Península de Maraú, na Bahia. Lá construíram em 1995 sua pousada. A Lagoa do Cassange. Com...

Uma proposta consistente para o turismo no governo Lula – Os 18 pontos

O turismo é hoje, mundialmente, um dos segmentos de maior crescimento. Apesar do 11 de setembro e da sua sensibilidade quanto às mais tênues turbulências da economia e da política mundiais, é inegável o papel que ele exerce na dinamização e prosperidade de um país. Seu potencial gerador de empregos, sua função na redistribuição geográfica dos investimentos, sua capacidade de atrair tanto grandes quanto pequenos empresários, seus efeitos na fixação do homem em sua região de origem, são todos...

Baleias na Praia do Rosa ou … Miami?

Cento e dez mil. Este é o número de turistas que se dirigiram, no ano passado, à Península Valdés, na Patagônia Argentina, para avistar baleias, leões e lobos marinhos e pingüins.

 Mil foi o numero de turistas que se deslocaram no mesmo período a Imbituba e Praia do Rosa, em Santa Catarina, para avistar as baleias no Brasil.

Uma diferença impressionante. Surge a óbvia pergunta: por quê?

Tive a oportunidade de fazer a observação embarcada na Praia do Rosa. Fiquei fascinado.

Admito que...

Responsabilidade social da mídia no ecoturismo e turismo de aventura

Publicado no(a) Site Família Aventura em Agosto/2003 

Grande parte do crescimento do ecoturismo e do turismo de aventura no país se deve ao papel desempenhado pela mídia. São os meios de comunicação que viram nos esportes de aventura fonte inesgotável de material para programas de grande apelo visual. Esta mesma divulgação tem sido impulsionadora de uma grande indústria que com ela surge. Com isso muita gente passou a conhecer e praticar as apaixonantes atividades ligadas ao esporte e à natureza,...

A insustentabilidade dos prêmios sustentáveis

Por Edgar Werblowsky

Há uma louvável e importante iniciativa em ascensão no mundo empresarial. Trata-se dos prêmios por ações sociais e por práticas responsáveis, visando reconhecer as empresas.

Tais láureas trazem grandes benefícios à sociedade como um todo.

Premiam ações e projetos cidadãos das empresas, estimulando o debate social interno nas organizações, seu papel, e criando cultura de responsabilidade social. Mesmo quando a empresa em questão investe no projeto por razões basicamente mercadológicas, o que não seria o esperado, nem desejável, mesmo...

A viagem transformacional - novo paradigma para o futuro no turismo

Por Edgar Werblowsky

Historicamente falando, o homem busca viajar para que ? 

Sair da rotina, relaxar, descobrir novos horizontes, espairecer, viver experiências e sensações, se mimar, ser mimado, enfim, são inúmeros os motivos e as razoes para tal ...

O ato de viajar está mudando. Cada vez mais viajar significa participar de experiências de vida enriquecedoras e retornar para casa transformado. É preencher o último degrau da pirâmide de Maslow, o da auto-realização. Que é caracterizada não por um desejo de consumir...

Sociedade precisa se unir contra mudanças no código florestal

Por Edgar Werblowsky

Temos acompanhado na mídia as discussões em marcha no congresso para alterar o Código Florestal. Mudanças essas pleiteadas pelos ruralistas em detrimento das conquistas obtidas nos últimos anos em termos de preservação do meio ambiente.
 
Todos nós sabemos a importância dos rios. Inegável. As mudanças propostas incluem a redução da mata ciliar, às margens dos rios, de 30 para 7,5m. Como se ignorássemos o papel crucial destas faixas de mata para proteger os leitos, garantir a vazão e...

Cara Ministra Marina Silva

Publicado no Site Família Aventura em Julho/2003 

Há poucas semanas assistimos a um momento ímpar na história de nosso país. O presidente Lula, 15 governadores, 8 ministros, parlamentares, um sem número de empresários, reunidos para tratar em primeira grandeza de um tema historicamente relegado no Brasil: o turismo. As palavras do presidente tocaram, pela precisão, pelo foco. Nunca antes um fato assim ocorria. O discurso do ministro do turismo e, depois, no hotel Blue Tree, dos seus assessores, mostrou uma coisa:...

Que venha a iluminação política!

Causa estupor a notícia do desejo da prefeitura de Foz do Iguaçu de transformar o belíssimo espetáculo natural das cataratas numa Disney tupiniquim. Se não passasse de desejo, passaria por invencionice travessa e risível. Preocupa, e mais, apavora, quando se percebe que o que poderia não passar de fanfarronice surge como ameaça real através de um plano para iluminar as cachoeiras, criando jogos de luzes e cores, numa versão hollywoodiana high-tech.
 
Preocupa mais ainda quando a administração de parques da...

Viagens Orgânicas - as viagens que levam em conta o biorritmo

Por Edgar Werblowsky

Por que muitas vezes voltamos mais cansados de uma viagem do que quando partimos?
 
Por que algumas vezes retornamos doentes de uma viagem?
 
Alguma coisa não está muito certa...
 
Tudo pode começar torto no planejamento...
 
Querer visitar um sem número de cidades no menor tempo possível, dentro do conceito de número de atrações por dólar gasto, uma conta para maximizar nosso investimento, pode fazer da viagem um bom negócio financeiro, mas um mau negócio humano...
 
Todos temos um biorritmo que nos governa... Proporcionando...