Blog

Escandinávia - 7 lugares que apaixonados por arte precisam conhecer

São poucas as vezes no nosso cotidiano que temos tempo para vivenciar arte e repensar nossos modelos e valores, observar as pessoas que nos cercam e a história dos lugares que estamos. É para essa pausa que convidamos você!

Nossa imersão no mundo das artes é na Escandinávia, região com o melhor IDH do Planeta. É mesmo uma inspiração, né? O território abriga Noruega, Suécia, Dinamarca, Islândia, Finlândia e Ilhas Fároe. Pronto para conhecer grandes obras de arte do mundo contemporâneo e onde encontrá-las? Confira 7 lugares que apaxaixonados por arte precisam conhecer na Escandinávia

1 - The Garden of Milles

Mais um grande nome da cultura escandinava é homenageado. The Garden os Milles foi o lar e o estúdio do mais célebre escultor da Suécia, Carl Milles (1875-1955). Suas esculturas são encontradas em todo o mundo.

2 - Gustavsberg Art Gallery

Por aqui, nós consideramos artesanato como arte. O trabalho manual utilizando matéria-prima local conta muito sobre a cultura e os valores de um país. A Gustavsberg Art Gallery fica em Gustavsberg, cidade a 20 minutos de Estocolmo.  Gustavsberg foi o berço da porcelana sueca e é, ainda hoje, referência para artesanatos contemporâneos nacionais e internacionais.

3 - Parque Vigeland

O Parque cujo nome homenageia o escultor Gustav Vigeland (1869-1943) está entre as atrações turísticas mais populares da Noruega. Tem o título de “maior parque de esculturas de um único artista do mundo”: a coleção de 212 estátuas de pedra, bronze e ferro fundido de Vigeland.

Um exemplo de como é um trabalho impressionante está a ponte composta por esculturas de 58 homens, mulheres e crianças nus representados em diversas poses. Entre as favoritas está ‘Sinnataggen’ (Little Hot-Head – Pequeno cabeça quente), a imagem de um menino com raiva batendo o pé no chão, considerada “A Mona Lisa de Vigeland”.  Outro destaque é a ‘Livshjulet’ (Wheel of Life – Roda da Vida), um ciclo vicioso de pessoas entrelaçadas, com um diâmetro de 3 metros. E por aí vai…

4 - National Gallery

O destaque por aqui são as obras produzidas na Noruega, Grécia, Alemanha, embora o acervo contenha artistas de vários outros países.  A trajetória artística norueguesa pode ser acompanhada, indo das obras clássicas, passando pelo Renascimento até o moderno Edvard Munch. Outros artistas de destaque são JC Dahl, Adolph Tidemand, Hans Gude, Harriet Backer e Christian.

5 - Art Gallery N. Bergslien

A galeria que leva o nome do pintor, escultor e ilustrador Nilsen Bergslien conta a história da Era Nacional Romântica. A inspiração de Bergslien eram as lendas, os contos e a história da Noruega e o cenário de montanhas, fjords e lagos.

6 - Museu Troldhaugen

A vila de Troldhaugen foi construída em 1885 em torno da moradia do renomado compositor norueguês Edvard Grieg. O museu é onde Grieg morou nos seus últimos 20 anos. Respiramos o mesmo ar que o compositor respirou e vemos ali o piano, base das composições mais famosas como: Concerto para piano em menor, música incidental para o drama de Ibsen "Peter Gynt" (Morning Mood, In The Hall of the Mountain King, Solveig's Song a.o.), Lyric Pieces para piano, Holberg Suite, Last Spring.

 

7 - Royal Game Park

Royal Game Park fica localizado na ilha de Djurgården. O complexo integra o sistema de parques nacionais da Suécia e oferece agradáveis ambientes ao ar livre, museus e casinhas locais. É uma boa oportunidade de convivência com noruegueses, pois é um espaço de lazer muito utilizado pelos habitantes.

A antiga casa do Príncipe Eugen (conhecido como o Príncipe Pintor) se encontra pelo caminho e concentra uma coleção artística com obras do século XIX, incluindo mais de uma centena de pinturas do próprio Príncipe Eugen.

Viaje com a Freeway

Aí você pensa: “Puxa, é muita coisa, eu jamais conseguiria visitar e fruir tudo isso…”, pois bem, nós temos a solução: 15 dias de viagem na companhia da artista plástica Mary Porto, inspirando pinturas e produções artísticas. Vamos? Saída em Junho, saiba mais:

http://www.freeway.tur.br/noruega-e-suecia-pintando-na-escandinavia-com-mary-porto-e-edgar-werblowsky/